23 janeiro 2013


Investment Bag

Ontem eu terminei de ler o livro "The One Hundred", da Nina Garcia. O livro é uma espécie de guia que descreve 100 peças que toda "stylish woman" deve ter. Um dos tópicos é a Investment Bag, que ela coloca como algo que vale a pena economizar durante alguns meses para comprar, por ser algo que pode durar a vida toda e por serem peças clássicas, que são tão relevantes hoje quanto há décadas atrás, quando foram lançadas. E aí ela coloca quatro exemplos de bolsas que ela considera que valem a pena o investimento (LV Speedy, Chanel 2.55, Gucci Jackie O e Birkin) e fala algo que eu achei super interessante: que todas as outras bolsas são variações desses modelos. E não é que é verdade? Comecei a pensar em vários outros modelos e eles são mesmo super parecidos ou têm a mesma função destas que ela cita no livro. Óbvio que a investment bag varia de pessoa para pessoa e essa é uma lista que ela, Nina, sugere. Cada um tem uma realidade (e um bolso) diferente, mas achei bacana a comparação. Sem falar que, hoje em dia, conseguimos encontrar bolsas similares nacionais de boa qualidade, com preços mais acessíveis e que fazem o mesmo papel destas: 



2 Comentários

2 comentários:

Rainha do Fashion disse...

Adorei o post! Bastante útil para os bolsos menos extravagantes! =)

http://rainhadofashion.blogspot.com

Fran Jubran disse...

Ma,
Concordo com a Nina!!!
Bj

Postar um comentário

:a   :b   :c   :d   :e   :f   :g   :h   :i   :j   :k   :l   :m   :n   :o   :p   :q   :r   :s   :t